Você está aqui: Página Inicial > Imprensa > Notícias > ESPEN lança Cronograma de Cursos para 2018

Notícias

ESPEN lança Cronograma de Cursos para 2018

Cursos Presenciais demandam seleção de Docentes e Responsáveis Técnicos
publicado: 30/01/2018 18h38 última modificação: 31/01/2018 17h57

 

Brasília, 30/01/2018 – A Escola Nacional de Serviços Penais (ESPEN) torna público o Cronograma de Cursos para o ano de 2018. A proposta visa ofertar, aproximadamente, 150 cursos para agentes de segurança pública federais e estaduais. A temática dos cursos abrange, principalmente, a área de Inteligência Penitenciária além de diversos treinamentos de natureza operacional. Cabe ressaltar que a proposta representa significativo avanço em termos de capacitação para este Departamento, uma vez que o quantitativo ofertado jamais foi alcançado em períodos anteriores. A ESPEN ressalta, ainda, que o Cronograma de Cursos de 2018, embora esteja consolidado, está sujeito a alterações para atender as possíveis necessidades de readequações logísticas. 

Assim, o cronograma publicado versa sobre os cursos na modalidade presencial, restando, ainda, a publicação dos cursos a distância, que terão calendário próprio e divulgação prevista para o próximo mês. Parte destes cursos serão realizados em parceria com outras forças e instituições da área de segurança pública, como é o caso da SENASP e da UFMG, parceiros que viabilizam cursos na modalidade a distância sobre diversos temas relacionados à segurança pública. 

Os cursos para os Estados fazem parte do escopo de ações do Grupo de Trabalho instituído pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP) com a finalidade de formular propostas, medidas e estratégias que visem à revisão e aperfeiçoamento das ações de segurança, tecnologia e informação no âmbito dos órgãos vinculados ao MJSP. 

Para dar início aos trabalhos, a ESPEN abriu inscrições para Agentes Federais de Execução Penal em quatro Processos Seletivos Simplificados para seleção de Responsáveis Técnicos, Docentes, Armeiros e Paioleiros que irão compor o corpo docente e técnico especializado de destes cursos programados para 2018. A seleção vislumbra escolher servidores com aptidões e experiência comprovada nas áreas de Escolta Armada, Intervenção Tática em Ambiente Prisional e Sobrevivência Operacional para desempenharem a função de Responsáveis Técnicos nos cursos que se iniciam em breve. Já para a seleção de Docentes, Armeiros e Paioleiros, a proposta visa preencher vagas para a ocasião do III Curso de Formação de Instrutores de Armamento e Tiro, a ser realizado a partir de maio.

Segundo a diretora da ESPEN, Taís Kuchnir, a intenção da Escola é promover ampla divulgação dos cursos e das etapas inerentes à execução dos cursos, tendo em vista a necessidade de constante aperfeiçoamento das potencialidades dos agentes que atuam na custódia de pessoas privadas de liberdade e da importância da transparência na administração pública, conforme disposto na Lei de Acesso à Informação (Lei nº 12.527/2011). 

Serviço de Comunicação Social do DEPEN

registrado em: